domingo, 16 de dezembro de 2012

Dezembro de Arquiteturas...

Neste mês de dezembro, comemoramos o Dia do Arquiteto. Lembrando das inspirações bem vindas das obras de Niemeyer e tantos outros arquitetos, como Mies Van der Rohe, Ruy Ohtake, Frank Ghery, Kenzo Tange, Paulo Mendes da Rocha, vamos ver algumas obras do arquiteto e engenheiro espanhol Santiago Calatrava, que tem obras na Suíça, Espanha, Itália e em outros países, e que são inconfundivelmente inspiradas na natureza, nas formas dos esqueletos e como estas estruturas se equilibram em conjunto.

Imagem: pt.wikipedia.org

Esta obra é na Cidade das Artes e das Ciências, Valencia, Espanha. Cada edifício tem uma personalidade  repleta de ilusionismo muito bem projetado para compor este lindo conjunto arquitetônico. O arquiteto tem o poder de imaginar a obra como uma pintura além da escultura construída.
Imagem: en.wikipedia.org

Este é o Palácio das Artes Rainha Sofia, Valencia, Espanha. Nas obras de Calatrava encontramos a água, como elemento de reflexão para as obras, fios de aço e grandes panos de vidro para a entrada de luz natural, que em alguns casos tem dispositivos (brises) para controlar a incidência solar. Essa obra é linda, leve, diferente e impactante.
Imagem: pt.wikipedia.org

 Para os americanos, este Museu de Arte d
e Milwaukee é todo estiloso, tem uma linda aste com fios de aço que ajudam na sustentação das asas. Para obras assim, vale lembrar que a velocidade dos ventos influencia na estrutura, por isso cada espaço é calculado com precisão e cada elemento ganha uma função importante na sustentação de cada parte construída e elevada.
Imagem: www.online-news.it

Esta é a Ponte di Calatrava em Veneza. Essa foto, além de bonita, mostra o novo introduzido em um cenário antigo, histórico de riqueza sem igual, diferenças que vemos crescer a cada dia nas cidades mais importantes de todo o mundo.
Imagem: pricetags.wordpress.com

Para encerrar esta postagem, esta é a Ponte Zubizuri, Bilbao, Espanha. Uma passarela com raios estaiados bem distribuídos, formando uma linguagem futurista de linhas brancas contínuas bem suaves.

É um prazer dividir matérias que gosto com vocês!
Beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário